Doação de Sangue

19:08 Postado por Coordenação PROJETO VIVER VIDA


O sangue é um elemento indispensável à vida. Sem o nosso sangue, seríamos incapazes de oxigenar e nutrir nosso corpo, e morreríamos. Não há nada que substitua esse nosso tecido líquido.

O sangue das pessoas saudáveis é constantemente renovado, conforme a necessidade do organismo. A perda de sangue que ocorre na doação é reposta em pouco tempo. Elas são plenamente capazes de doar, e sua atitude generosa pode salvar não apenas uma, mas três vidas. Isso porque o sangue colhido do doador é fracionado em três componentes: as plaquetas, as hemácias e o plasma, cada um com um destinatário diverso.

São muitos os casos em que é preciso recorrer ao banco de sangue: transplantes, grandes cirurgias e vítimas de acidentes precisam de transfusão. Portadores de doenças graves cujo organismo não é capaz de produzir as células sangüíneas necessárias, seja por deficiência natural, seja por tratamento que bloqueia sua produção, como a quimioterapia, também precisam de transfusões sanguíneas para sobreviver. Nesta categoria se enquadram algumas doenças do sangue, portadores de câncer diversos e de leucemia.

São tantas pessoas que precisam de sangue, que não raro algumas delas são nossas conhecidas, amigas ou parentes. Mas o banco de sangue também existe para ajudar aquelas pessoas anônimas, que não têm ninguém à sua volta que possa ajudar, ou simplesmente quando não há tempo de convocar familiares para doar sangue, o que é comum em acidentes graves, como os automobilísticos, quando a perda é muito grande.

Os doadores podem não saber o destino de seu sangue na hora da doação, na maioria das vezes, mas de uma coisa têm certeza: o que fazem é indispensável à vida.

Para Quem DoarExistem inúmeras situações que demandam sangue. Todas as pessoas que estão passando por tratamentos como quimioterapia, cirurgias e transplantes precisam de sangue, além de acidentados e portadores de algumas doenças do sangue.

O doador espontâneo não sabe quem será o receptor do seu sangue, mas sabe que sua atitude é fundamental para salvar vidas. Sabe inclusive que um dia pode necessitar de sangue de outros. Por isso precisamos criar a consciência da necessidade de doar sangue entre as pessoas. Em outros países ela já é bem desenvolvida, e as pessoas, conscientes de sua responsabilidade social, desenvolvem o hábito de doar sangue.


Como DoarDoadores de sangue são pessoas especiais, movidas pelo desejo de ajudar pessoas que muitas vezes não conhecem. Ao dedicar parte do seu tempo (45 minutos) para doar um pouco de seu sangue, o doador ajuda a salvar a vida de até três pacientes diferentes.

Os homens pode doar seu sangue até 4 vezes ao ano, com um intervalo de 60 dias entre cada doação, e as mulheres 3 vezes, com intervalo de 90 dias. Já no caso da doação de plaquetas por aférese, tanto homens como mulheres podem doar até 4 vezes por mês e 24 vezes por ano, com um descanso mínimo de 72h entre cada doação.

Aqui seguem alguns pré-requisitos para a doação de sangue:
Estar em boas condições de saúde e descanso
Ter entre 18 e 65 anos
Pesar no mínimo 50kg
Estar alimentado, evitando ingerir alimentos gordurosos
Apresentar documento oficial de identidade com foto.
Agende a sua Doação:


Posto Pompéia
Av. Pompéia, 1178 CEP 05022-001
11 3677 4444 R 5055
2ª a 6ª feira: 8h às 18h
Sábado: 8h às 16h


Posto Santana
Av. Voluntários da Pátria, 3997 CEP 02401-300
11 6972 8000 R 1134/1135
2ª a 6ª feira: 8h às 12h


Durante o período de doação, o estacionamento é gratuito.
O doador de plaquetas por aférese poderá almoçar ou jantar GRATUITAMENTE no restaurante do Hospital São Camilo.

fonte site:www.clubesanguebom.com.br

0 comentários: